sábado, 19 de janeiro de 2019

«COMO ESTAMOS E PARA ONDE VAMOS»

Em 5 de Dezembro de 2015 fez o Núcleo de Oeiras da CPPME a apresentação pública, no Auditório Municipal Maestro César Batalha, dos resultados do inquérito realizado às micro pequenas e médias empresas do município de Oeiras.
Voltámos agora, três anos depois, a realizar inquérito semelhante, para conhecer a evolução e poder definir um plano de acção em conformidade com os resultados apurados e com a evolução registada.
Apurados os dados, vamos promover à sua apresentação e discussão pública e, também, dar conta aos nossos associados do resultado das diligências junto dos Grupos Parlamentares sobre o nosso documento "20 Medidas OE 2019 - Propostas da CPPME" e do seu impacto no Orçamento de Estado.

      PROGRAMA
    • 15,00h – Registo dos participantes e entrega de  documentação  
    • 15,15h – Abertura da sessão • Rogério Pereira – Director Executivo da Confederação Portuguesa das Micro, Pequenas e Médias Empresas - CPPME 
    • 15,45h – Apresentação e análise dos resultados do Inquérito - 2018  «Como estamos e para onde vamos»  • Rogério Pereira  
    • 16,00h – DEBATE  
    • 17,00h – Encerramento dos Trabalhos • Isaltino Morais* – Presidente da Câmara Municipal de Oeiras • Jorge Pisco – Presidente da CPPME 

    quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

    A CPPME NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA!

    A CPPME esteve (8Jan2019) na Assembleia da República em audição na Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas (CEIOP).


    Esta audição realizou-se a pedido da CPPME, tendo como objectivo principal levar ao conhecimento dos senhores deputados as preocupações e propostas dos Micro, Pequenos e Médios Empresários (MPME), numa perspectiva de a Assembleia da República poder vir a legislar, para que se possa vir a ter uma economia sustentável e dinâmica, favorável à sobrevivência das Micro e Pequenas Empresas, que têm um papel fundamental na economia nacional e, a sua actividade é dominante na criação do emprego privado.

    De todos os Grupos Parlamentares presentes foram ouvidas palavras de reconhecimento pelo papel que a Confederação vem desempenhando na defesa dos MPME, dado que a maioria dos membros da CEIOP, em momentos anteriores, já reuniu com a CPPME e reconhece que as suas propostas são válidas e vão ao encontro dos interesses dos micro, pequenos e médios empresários.
    A delegação da CPPME era constituída pelo Presidente Jorge Pisco, pelo Vice-Presidente Afonso Luz, pelo Director Executivo Rogério Pereira e pelo Secretário-Geral José Brinquete.


    NOTA: o vídeo acima reporta as intervenções da CPPME, para ver a sessão na integra clique aqui

    sábado, 15 de dezembro de 2018

    RECLAMÁMOS E CONSEGUIMOS


    RECLAMÁMOS E CONSEGUIMOS

    No passado dia 29 de novembro de 2018, a Assembleia da República aprovou em votação global final o Orçamento de Estado para o próximo ano (2019).

    A CPPME reunida em Assembleia-Geral, no dia 12 de dezembro de 2018, embora considere insuficientes as medidas aprovadas, de forma a repor justiça para com os micro, pequenos e médios empresários, assinala e congratula-se por o OE/2019 contemplar algumas das suas reclamações, designadamente:
    - O fim do Pagamento Especial por Conta (PEC), com dispensa de declaração. Com esta decisão termina uma luta de 20 anos, pela extinção de um imposto cego e injusto, um método indiciário a todos os títulos reprovável.
    - A eliminação da coleta mínima no Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Coletivas (IRC) simplificado, contra o qual, que tenhamos conhecimento, só a CPPME reclamou;
    - O reconhecimento do “Justo Impedimento” para os micro, pequenos e médios empresários Contabilistas Certificados (CC), abrangendo mais de 70 mil CC.
    - Eliminação do aumento de tributação autónoma sobre viaturas de empresários em nome individual.
    - Eliminação do agravamento de tributação autónoma sobre viaturas de micro, pequenas e médias empresas;
    - Alargamento do prazo de entrega do modelo 10 em sede de IRS para 10 de fevereiro;
    - A notificação por parte da Autoridade Tributária aos contribuintes que passa a ser possível através do Portal das Finanças, quando até agora existia a obrigação de as empresas aderirem ao Via CTT.
    A CPPME, continuará junto da Assembleia da República e do Governo a reclamar a concretização das restantes medidas propostas nas “20 MEDIDAS para uma Economia Sustentável e Dinâmica”.

    JUNTOS SEREMOS MAIS FORTES!

    quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

    terça-feira, 4 de dezembro de 2018

    TEMPO DE ANTENA CPPME

    Exmo(a) Senhor(a)
    Empresário(a)

    A Confederação Portuguesa das Micro, Pequenas e Médias Empresas (CPPME) informa que poderão ver ou ouvir os seus tempos de Antena, designadamente:

    - Na Antena 1, na próxima Quinta-feira, dia 6 de Dezembro de 2018.

    - Na RTP 1, momentos antes do Telejornal das 20H00, na próxima Sexta-feira, dia 7 de Dezembro de 2018.